15.6.17

Nomes e cores

Amarelo:
Tem sabor de inverno;
Tem cor de verão;
E cheiro de protesto.

O pintor,
Faz o seu trabalho,
Escreve através das cores,
Em paredes, muros e murais.

Sua voz é silencio,
Sua presença é o que ele fez,
Seu olhar é visto,
através da sua obra.

Mesmo, que ela nada diga,
Além do que pareça repetição,
Ela é singular, é sua, 
Ainda que seu nome não esteja.

E mesmo agora,
Quem lê, é mundo,
Mas tem algo que é só seu.

Dedeah C. 

Nenhum comentário:

Bem Vindo =)

Aqui estão algumas poesias e textos de minha autoria. Fique à vontade para passear pelo blog, comentar nas postagens e visitar os links de outras páginas especialmente selecionados.

Amo escrever aqui e na correria de sempre, que é muita (como toda criatura urbana), volta e meia ele fica um pouco desatualizado. Mas busco atualizá-lo sempre que possível, não tenho uma frequência exata, mas em respeito a quem acompanha e visita, ao menos uma postagem por mês ou semana você encontra por aqui!

.*Obrigada a quem visita*.*.